5 frases que você nunca deve dizer ao seu filho

Você provavelmente não irá usar frases como “Espere até seu pai chegar em casa” ou “Gostaria que você fosse mais parecido com seu irmão”, mas existem outras frases que atitudes que devemos evitar com nossos filhos, pois podem prejudicar até mesmo o desenvolvimento de seus valores e personalidade. Confira abaixo 5 frases que você deve evitar.

o-que-nao-falar-para-crianca

Bom trabalho! Parabéns!

Usar frases genéricas como “Boa menina” ou “Muito bem” cada vez que seu filho mostre uma habilidade faz com que ela dependa de sua afirmação, em vez de sua própria motivação. Guarde os elogios para quando eles são realmente merecidos, e seja o mais específico possível. Em vez de “Super jogo”, diga: “Foi uma boa assistência. Eu gosto de como você olhou para o seu companheiro de equipe.”

A prática leva à perfeição

É verdade que quanto mais tempo a criança dedica, mais nítidas suas habilidades se tornarão. No entanto, este ditado pode incutir na criança o sentimento de que elas precisam trabalhar duro para serem perfeitas e as melhores naquilo que fazem – o que pode frustá-las muitas vezes.

Pode ser mais interessante incentivar a criança a dar o seu melhor em suas atividades, incentivando-o a melhorar (e não exatamente a ser perfeito). Ele se sentirá orgulhoso de seu próprio progresso sem se frustrar.

Você está bem

Quando seu filho raspa o joelho e começa a chorar, seu instinto pode ser a tranquilizá-lo de que ele não está muito ferido. Mas dizendo-lhe que ele está bem só pode fazê-lo sentir-se pior.

Seu filho está chorando porque ele não está bem. Seu trabalho é ajudá-lo a entender e lidar com suas emoções, não esquecê-las. Tente dar-lhe um abraço, reconhecendo o que ele está sentindo, dizendo algo como: “Isso foi uma queda assustadora.” Em seguida, perguntar se ele gostaria de um curativo ou um beijo (ou ambos).

Apresse-se!

Seu filho se atrapalhar para comer o seu café da manhã, insiste em amarrar os próprios tênis (mesmo que ele ainda não tenha dominado completamente a técnica ainda), e está a caminho de se atrasar para a escola – de novo.

Mas empurrando-o para começar a se mexer cria um estresse adicional. Suavize o tom levemente, dizendo: “Vamos nos apressar, essa postura envia a mensagem de que vocês dois estão no mesmo time. Você também pode transformar o ato de se preparar para um jogo: “Por que não vamos apostar para ver quem consegue abotoar as calças primeiro?”

Estou em uma dieta

Controlando o seu peso? Mantenha essa informação para si mesmo. Se o seu filho vê você pisar na balança todos os dias e te ouve falar sobre estar “gorda” ou “gordo”, ele pode desenvolver uma imagem corporal não saudável. Outro momento que você deve ficar de olho é na hora das refeições, jamais reclame dos alimentos saudáveis. Ao invés disso, sempre procure passar bons sentimentos ao comer legumes com salada: “Eu estou comendo salada porque gosto do jeito que me sinto após as refeições”, etc. Adote a mesma postura com exercícios. Ao invés de reclamar ou fazer corpo mole, procure falar com alegria sobre seus exercícios.

Conclusão

Aprenda fazer sapatinhos de bebê para economizar e até para vender para outras mamães.

As crianças aprendem através de exemplos e muitas vezes copiam a atitude dos pais e de quem estiver próximo. Por isso é super importante  pensar no que dizer, falar e até no olhar que fará para a criança, pois ela saberá exatamente como interpretá-lo. Hoje muitos educadores já possuem sites com dicas para ajudar os pais no desenvolvimento saudável de crianças e também livros que podem ser uma ótima fonte de conhecimento e também para consulta. E você, já passa por isso com o seu filho?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *