Arquivo da categoria: Segurança

Grávida pode andar de moto?

Grávida pode andar de moto? Cavalo? Bicicleta?

Muitas mulheres têm receio de andar de moto, cavalo e até mesmo de bicicleta durante a gravidez, para elas isso pode causar danos para o bebê e até mesmo o aborto espontâneo. Mas será que esse medo é certo ou será que não há nenhum problema em andar de moto durante a gestação?

Isso é o que vamos descobrir!

gravida-moto

Durante o primeiro trimestre da gestação e de uma maneira geral, as futuras mamães não estão proibidas de andar nem de moto, nem de bicicleta e nem de cavalo, desde que sejam tomados alguns cuidados essenciais.

Até quando posso andar de moto?

Para os médicos e especialistas os três primeiros meses são tranquilos e as mulheres podem continuar levando uma vida normal.

Após esse período começam as maiores alterações no corpo da gestante: o equilíbrio diminui, as dores nas costas aumentam e a barriga cresce. Devido a esses fatores não é recomendável que se ande em nenhum desses meios já citados, visto que há um risco maior de queda e até mesmo acidente, que pode levar ao deslocamento da placenta e, consequentemente, à um aborto espontâneo.

Devemos lembrar também que andar de moto por si só já é uma tarefa arriscada, afinal a moto não possui nenhum cinto de segurança nem uma proteção ao corpo em caso de impacto ou queda, fora o capacete, claro. Se já é uma tarefa arriscada imagina então faze-la com uma “melancia” na barriga? Fora o perigo há também um grande desconforto.

Por isso a recomendação para as futuras mamães é evitar ao máximo andar de moto, de cavalo e até de mesmo de bicicleta durante a gestação. Isso tudo irá garantir uma gravidez normal, sem complicações e um parto na hora certa, sem sustos. Afinal a sua saúde e a do seu bebê é o mais importante!

Todos os esportes radicais também não são recomendados pelos mesmos motivos, o risco de um acidente, mesmo um queda simples pode fazer você perder o seu bebê.

Legislação sobre Cadeirinhas de Carro para Criança nos Estados Unidos

Se você está planejando uma viagem com as crianças ou bebê para Estados Unidos, à trabalho ou passeio, saiba que lá, assim como no Brasil, existe uma legislação específica sobre o uso das cadeirinhas de bebê.

É bem comum que durante a sua viagem você precise alugar um carro, então na própria locadora, solicite o aluguel da cadeirinha também, de acordo com o tamanho do seu filho.

cadeira-carro

Lá, as crianças até 12 anos, precisam de cadeiras especiais no automóvel e vamos detalhá-las a seguir:

de 0 a 2 anos

Infant Seat, ou o nosso bebê conforto. Cada modelo de bebê conforto tem a sua maneira correta de instalação, então basta conferir as instruções e prender corretamente no carro.

de 2 a 5 anos

Child Seat. É um modelo de cadeira para carro bem comum aqui no Brasil, fixado ao banco pelos cintos de segurança ou pelo sistema isofix, padrão por lá.

de 5 a 12 anos

Booster Seat. É só o assento elevado, assim o cinto de segurança fica na altura correta e o conforto durante a viajem é maior.

Essas são algumas informações básicas sobre as cadeirinhas de carro para viagens aos Estados Unidos, lembrando que cada região tem legislações específicas, mas que não variam tanto de um lugar para outro.

O importante é sempre usar a cadeira recomendada para a idade, viajar com as crianças no banco traseiro e sempre com o cinto de segurança, tanto no Brasil como no exterior. Se você conhece um pouco mais sobre as leis de trânsito dos Estados Unidos, mande sua dica pra gente!

Sua Casa é Segura para o Seu Bebê? Evite acidentes terríveis

Ninguém quer ter que passar por momentos terríveis com acidentes domésticos com o bebê, muito menos ter que correr para um pronto socorro ou hospital, certo? segurança doméstica para bebês Então que tal ler nosso post e verificar se você já fez tudo que é possível para ter uma casa segura para seu bebê? segurança-domestica-bebes As crianças são muito curiosas e isso é totalmente natural. Imagine que tudo para eles é novidade, então os ajude a perceber o mundo sem que se machuquem, esse é seu papel e sua responsabilidade como mãe. Mas fiquem tranqüilas, pois vocês não podem impedir tudo! Acidentes acontecem, mas podem ser evitados. As dicas a seguir são as mais básicas para manter a segurança dos pequenos na sua casa. Continue lendo