Como Fazer o Bebê Dormir? Dicas e Truques que você deve saber e compartilhar

Compartilha:

Quando o bebê nasce, muitos pais levam o bebê para o quarto para dormir com eles, para facilitar o trabalho de trocar as fraldas e amamentar durante a madrugada. Entretanto, os psicólogos afirmam que, embora seja muito mais simples para o casal, esse costume deve ser evitado. dormir sozinha Segundo os piscólogos, “Lugar de criança é em sua cama, em seu próprio quarto”. E essa atitude deve começar desde os 6 meses de idade, pois quanto mais tempo o bebê passa dormindo com os pais, mais difícil será reverter esse hábito.

Vale lembrar que esse hábito é muito importante, pois quando a criança passa muito tempo dormindo no quarto dos pais, pode afetar até mesmo o seu desenvolvimento psicológico. Ensinar o seu filho a dormir em seu próprio quarto e cama não vai ser uma tarefa fácil e exigirá disciplina. Mas os esforços serão recompensados. Seguem abaixo, um guia passo a passo de como colocar o seu filho para dormir em sua própria cama.

Quantas horas um bebê dorme?

Nas primeiras semanas de sua vida, o recém nascido dorme cerca de 18 horas por dia. Muitos pais ficam preocupados, mas esse tempo é absolutamente normal, pois a criança está se desenvolvendo e se acostumando com a nova rotina. A tendência é que esse tempo diminua, passando para cerca de 15 horas por dia a partir do terceiro mês.

É nessa fase que começa o sossego dos pais, pois a partir do terceiro mês os bebês já começam a dormir a noite inteira. É essencial sempre prestar atenção ao tempo que o bebê dorme e verificar possíveis dificuldades que o bebê possa ter para dormir. É importante não deixar que o bebê troque o dia pela noite. A escolha do berço certo também ajuda no bom sono do bebê.

Como sei que o bebê está com sono?

Assim como os adultos, os bebês também apresentam determinados “sinais” quando estão com sono. Só que seus sinais são um pouco diferentes e devemos prestar atenção aos mesmos para saber quando deve começar a rotina do soninho. Os sinais mais comuns de uma criança com sono: mexer nas orelhas, chupar o dedo e coçar os olhos. Muitas crianças também apresentam olheiras e ficam manhosas.

Defina uma rotina para os soninhos

Após os seis meses de idade, a criança não precisa ser amamentada de hora em hora, ou seja, os intervalos entre as mamadas vão se tornando maiores. Entretanto, jamais force a amamentação para que bebê durma, esse hábito pode levar a obesidade da criança.

A rotina para ir dormir inclui toda a preparação para o sono, desde os “rituais” de higiene até a hora da estória de dormir, e deve durar no máximo 30 minutos. Procure seguir essa rotina sempre no mesmo horário e com as mesmas atividades, e jamais inclua atividades que possam deixar a criança agitada.

Aliás, procure seguir essa rotina também nos finais de semana.

Ainda quanto à rotina é importante mencionar que é importante manter um padrão também com relação aos objetos de dormir. Cama, travesseiro, brinquedos. No caso de pais separados, procure manter o máximo possível as atividades e os objetos.

Também não se esqueça que é necessário estipular um horário e não pode ser muito tarde. Muitos pais trabalham fora e chegam tarde em casa, e deixam a criança dormir mais tarde para poder passar mais tempo com elas. Essa não é uma rotina muito interessante, pois as crianças que ficam cansadas demais geralmente demoram mais para pegar no sono, o que prejudica a qualidade do sono.

Outro problema associado é que essas crianças acabam acordando mais cedo.O mesmo vale para o sono da tarde, estipule um horário e rotina, e mantenha esse horário e rotina.

Evite Distrações

Avalie a decoração do quarto, brinquedos e objetos que ficam no quarto da criança. Por exemplo, móbiles que fazem muito barulho ou que possuem cores muito vivas podem ser prejudiciais para a hora do soninho. No caso de crianças mais velhas, tire também o excesso de brinquedos da cama ou berço.

Durante à noite, mantenha sempre o quarto bem escuro e procure sempre tirar os objetos que chamam muito a atenção da criança. Aliás, jamais acostume a criança com o computador no quarto ou televisão. Mas calma, também não seja radical e tire tudo da criança! É interessante oferecer um brinquedo que não faça barulho, seja ele uma pelúcia ou uma boneca, para que a criança o leve para a cama.

Mas esse objeto deve ficar com a criança apenas para dormir. Esse objeto pode ajudar a criança nessa fase de transição.

Erros na hora de Colocar a Criança para Dormir

Muitas vezes usamos algumas técnicas que podem dificultar a hora do sono da criança. Seguem abaixo alguns erros que você deve evitar:

Pode balançar a criança para dormir?

Usar o movimento para colocar a criança para dormir é um erro, pois assim que o estímulo é interrompido a criança volta a acordar e pode ficar mais agitada. O ideal é que a criança esteja deitada na cama ou berço, já na posição para dormir, e lá receba os carinhos antes de ir dormir.

Deixar a criança chorar sem parar

Calma, não é um erro como um todo. Na verdade é interessante deixar a criança chorando um pouco para verificar se o choro é real ou é apenas birra. Geralmente é birra. Mas para não deixar a criança chorando por horas é necessário estabelecer um método. Na primeira noite, deixe a criança chorando sozinha por 10 minutos e somente depois vá ao quarto.

No segundo dia 20 minutos, no terceiro dia 30. Esse método é interessante pois ajuda a criança a entender que ela precisa dormir sozinha. Os pais não devem ir até a criança já no primeiro choro. Mas se a criança se desesperar é necessário ir até ela e a acalmar aos poucos. O que não pode é deixar a criança chegar ao ponto de perder fôlego ou vomitar.

Cansar a criança logo antes de ir dormir

Esse é um erro, e dos grandes. O ideal é que as atividades esportivas e cansativas façam parte da rotina da criança, mas durante a manhã ou à tarde, jamais logo antes de dormir. O sono deve ser algo tranquilo para que a criança durma bem.

Truques para Fazer a Criança Dormir

E para aqueles dias que as coisas estão mais difíceis, seguem alguns “truques” que você pode usar.

Banhos de imersão

Os banhos são relaxantes por natureza e até os adultos conhecem os efeitos de um bom banho. A água quente ajuda na queda de pressão de dilatação dos vasos sanguíneos, ajudando o bebê a ter uma boa noite de sonho. A melhor hora para dar um bom banho de imersão na criança é justamente antes de ir dormir. Veja dicas de como dar banho no bebê aqui. Você pode até incluir na rotina do seu bebê.

Cantigas de Ninar

Um dos “truques” mais recomendados é justamente o canto. Mas lembre-se que ele também deve ser incluído na rotina do sono, ou seja, use sempre a mesma música. Quando a criança for um pouco mais velha, pode-se passar para as histórias. Você também pode usar CDs com canções de ninar e sons que ajudam a criança a relaxar. Você também pode acostumar a criança a ouvir a música segurando a mão do adulto antes de dormir. Ajuda a criança a se sentir segura e ter um sono mais tranquilo.

Chá antes de dormir

O chá de camomila costuma ser o segredo de várias gerações. Mas os médicos e pesquisadores afirmam que qualquer líquido morno pode ser uma solução calmante. Há crianças que se acostumam a tomar um copo de leite. Vale lembrar que é essencial tomar cuidado com a ingestão de açúcar. Muito açúcar pode deixar a criança agitada e ainda contribuir para obesidade.

Respiração

Se o bebê estiver com o nariz entupido, pode ser recomendado que você aplique o sorinho e também use um aspirador nasal, que pode ser automático ou manual, o que você preferir, assim ele vai dormir melhor, acordar menos durante seus períodos de sono e ter uma qualidade de sono superior.

Gêmeos e Trigêmeos

É sabido que gêmeos (trigêmeos, quadrigêmeos, etc) podem dar um pouco mais de trabalho. Geralmente quando um começa a chorar os outros continuam, é mais de uma criança para ficarmos atentos, etc… Mas calma, até para eles existem soluções e, embora possa parecer muito complicado no começo, a diversão é garantida! Mesmo para os bebês gêmeos é sempre importante estabelecer um ritual e rotina para o sono.

Essa técnica ajuda as crianças a manter uma rotina saudável de sono, além de contribuir para a felicidade geral da família. Quando cada criança dorme em um horário diferente da outra, é certeiro que sempre haverá uma criança acordada, impossibilitando o descanso dos pais.

Da mesma maneira que os filhos únicos, os gêmeos devem ser ensinados a obedecer uma rotina desde os 6 ou 8 meses de idade. Aliás, a mesma regra de ouro vale para os gêmeos: ensine seus filhos a dormirem sozinhos, deixe que eles durmam enquanto estiverem no berço e não no seu colo.

Para iniciar a rotina do sono, sempre comece pela criança mais calma. Ao contrário do que se imagina, geralmente os gêmeos não se incomodam com o choro dos irmãos. Por esse motivo, você não precisa se preocupar com a possibilidade do bebê mais agitado acordar o irmão calmo.

Nesses casos é sempre melhor colocar o bebê mais calmo para dormir e logo em seguida cuidar do bebê que estiver mais agitado, o que possibilita que você se concentre em acalmar o bebê que está chorando.

Dicas extras para fazer o bebê dormir

Outro ponto de dúvida dos pais está relacionada a preferência do bebê pelo dia ou pela noite. Desde a gravidez é possível saber se a criança gosta mais de dormir durante o dia ou durante à noite.

Se a criança estiver mais habituada a dormir durante o dia, você terá que acostumá-lo com os seus horários e terá que ter disciplina para habituá-lo a perceber que a hora certa de dormir é à noite.

Essa rotina deve começar aos 2 meses. Para acostumar o bebê com os horários certos, mantenha a casa iluminada e mantenha os barulhos rotineiros (telefones, aspiradores, liquidificador, campainhas, etc).

Emagreça de 4KG a 5KG depois da gravidez com esse detox preferido das celebridades

Também use a técnica de manter uma rotina de sono sempre nos mesmos horários. No começo ele irá chorar bastante e ficar agitado, mas mantendo a disciplina aos poucos a criança começará a perceber o horário certo de dormir.

Compartilha:

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *